Redes Sociais:      

Bonum est diffusivum sui

Eventos

Ser paranaense é, para muitos, um motivo de orgulho, de honra e de grande responsabilidade.

No entanto, apesar do amor por sua terra, a realidade é que poucos paranaenses conhecem a história e a grandeza de homens e mulheres que viveram neste solo. 

E somente conseguiremos alçar nosso estado ao lugar de destaque que ele merece se entendermos as suas raízes. 

Pensando nisso, o Instituto do Bem Comum realizará o seminário “Raízes do Paraná”. 

Com a presença de especialistas nas mais variadas áreas, o IBC quer ser a ponte para o futuro do estado, pois o nosso amor por este chão é o que nos move a lutar pelo Bem Comum. 

Venha fazer parte desse (re)descobrimento e encontrar pessoas que querem fazer do Paraná o melhor lugar para se viver.

Data: 29 de junho de 2024 (sábado)

Valor: R$100,00 (gratuito para membros-colaboradores)

Programação:

8:30-9:00 – Check-in e recepção 

9:00-9:30 – Palestra de Rogério Bealpino 

9:30-10:00 – Palestra de Gabriel Sydorak 

10:00-10:30 – Intervalo e networking

10:30-11:00 – Palestra de Paulo Romanowski 

11:00-11:30 – Palestra de Rodrigo Müller 

11:30-12:30 – Roda de conversa 

12:30-12:45 – Encerramento

➡️ Inscrições e detalhes: https://www.sympla.com.br/evento/ii-seminario-do-instituto-do-bem-comum-as-raizes-do-parana/2482026

Palestrantes:

Rogério Bealpino: Arte-educador e educador patrimonial há 20 anos em Curitiba. Atua nas redes sociais e pelas ruas contando a história de Curitiba de forma dinâmica e acessível, popularizando e conservando estas memórias junto ao público de todas as idades, sempre buscando colocá-lo em contato direto com o patrimônio histórico e artístico da cidade.

Rodrigo Muller do Valle: Internacionalista e especialista em história. Trabalha na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Sustentável, já trabalhou na Secretaria de Estado do Planejamento. Diretor do Instituto do Bem Comum. É palestrante, escritor, tradutor e professor de geopolítica, história e ciência política. 

Paulo Roberto Romanowski: Bacharelado, licenciatura e Mestre em História pela Universidade Federal do Paraná. Autor de obras sobre a História da Igreja na época Moderna e Contemporânea e no Brasil. Também é pesquisador da medievalidade eslava. Atualmente é membro do corpo docente do curso de Teologia Católica do Grupo Educacional Uninter.

Gabriel Sydorak: Pós-graduando na UFPR e graduado em História na UTP. É especializado em história moderna e contemporânea e desenvolve pesquisas autônomas sobre a história regional.

O Estado do Paraná, durante muito tempo, pertenceu à Província de São Paulo, uma vez que esse estado era o mais forte da nação e, com isso, dirigia os rumos políticos do país. Essa realidade era muito presente no século XIX, com o crescimento do café nas terras paulistas.

Na metade do século XIX, porém, os paranaenses começaram a articular um movimento para garantir que sua cultura, modo de ser e visão histórica fossem respeitados. O sul, diferentemente do restante do Brasil, possui uma estrutura sociopolítica diferente. 

Em 1853, os paranaenses conseguiram a emancipação política em relação à São Paulo. Qual foi a visão política que permeou essa mudança? Como que o pensamento católico influenciou nessa emancipação?

Venha conhecer a resposta a essas perguntas na palestra desta quinta-feira.

Vagas limitadas. Garanta a sua!

Dia 20/06 às 19hs, na sede do IBC.

❇️ Veja mais em: https://www.sympla.com.br/evento/palestra-a-igreja-catolica-e-a-emancipacao-do-parana/2510284